28/10/2020

Assembleia de Minas retoma parcialmente atividades presenciais



Por decisão da Mesa, ouvindo o departamento médico da Casa, a Assembleia Legislativa vai retomar parcialmente os trabalhos presenciais, a partir do dia 16 de novembro. Com isso, as reuniões de plenário voltarão a ocorrer com a presença dos deputados e também haverá a abertura a visitação, para um número limitado de pessoas, evitando colocar em risco a saúde de servidores e frequentadores. 

De acordo com as regras definidas, as votações de plenário continuarão sendo realizadas também virtualmente, para que os parlamentares do grupo de risco para o coronavírus possam participar de forma remota. As reuniões das comissões, que também já haviam sido retomadas, ocorrerão com participações presenciais e virtuais. 

Os gabinetes poderão voltar a receber visitas, limitadas a 10 por dia para evitar aglomerações. Será preciso agendar e avisar à Polícia Legislativa.

O 1º secretário da Assembleia, deputado Tadeu Martins Leite (MDB), ressaltou que o Legislativo se adaptou, mantendo os trabalhos durante os meses de restrições mais severas por causa da pandemia, e agora avança com a reabertura gradual. “Tomamos essa decisão, junto com o presidente Agostinho Patrus (PV) e colegas da Mesa, seguindo parâmetros do nosso departamento médico e acompanhando o processo de reabertura da cidade. Estamos monitorando os dados epidemiológicos e reforçando que todas as medidas, como uso de máscara e distanciamento, serão exigidas para que esse retorno gradual possa funcionar sem significar um aumento dos casos de coronavírus”, disse. 

Além da visitação parcial e das reuniões presenciais de plenário, a Mesa decidiu pelo retorno dos servidores ao Legislativo com revezamento, para evitar que os gabinetes e as dependências da Casa fiquem cheios. A Casa continuará medindo a temperatura de todos que ingressam e exigindo o uso de máscara em suas dependências. 

 

E-mail:
Whatsapp:
Cidade Atual:
FECHAR

ACOMPANHE NOSSO TRABALHO